O Purgatório de C. S. Lewis: Uma Defesa Breve

 

cs-lewis-e1484156034652

Bem-aventurados os limpos de coração, porque verão a Deus. Mateus 5:8

A vida cristã é uma contínua reflexão sobre a morte, sobre o destino último do ser humano, na lembrança de que cada um terá de enfrentar o inimigo terrível (memento mori). Vivemos vidas piores quando não nos lembramos da seriedade do nosso destino. As distrações do tempo acabam por consumir e vencer nossos melhores ideais, enquanto a Eternidade nos dá o único parâmetro verdadeiro pelo qual devemos julgar o peso real das coisas. A grandeza e eternidade de Deus provocam a inquietante pergunta sobre o Para Onde. Continue lendo “O Purgatório de C. S. Lewis: Uma Defesa Breve”

O fim da salvação não é ir para o Céu

Nova Jerusalém Doré

“Os céus são os céus do Senhor;
mas a terra a deu aos filhos dos homens.”
(Salmos 115:16)

O fim da salvação não é ir para o Céu. Melhor do que isso, o fim da salvação não é tocar harpa (ou cítara) pelo resto da eternidade, vestindo branco e montado em alguma nuvem. O destino final dos justos é descrito como novos céus e nova terra, e a nossa condição, a da ressurreição do corpo, na qual recebemos a vida eterna. Continue lendo “O fim da salvação não é ir para o Céu”